Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Arsal conclui avaliação de Pesquisa de Vazamentos realizada pela Algás
31/10/2018 - 08h23m

Arsal conclui avaliação de Pesquisa de Vazamentos realizada pela Algás

Arsal conclui avaliação de Pesquisa de Vazamentos realizada pela Algás

A Gerência de Gás Natural da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Alagoas (Arsal) concluiu a avaliação do Programa Anual de Pesquisa de Vazamentos executado pela Algás, no período de 28 de agosto a 01 de outubro deste ano. Nas inspeções foram analisados 9.765 pontos críticos em todo o Estado e detectados 12 vazamentos em dez unidades consumidoras diferentes.

 

Segundo Clara Alves, gerente de Gás Natural da Arsal, todos os vazamentos encontrados foram considerados de baixo risco e sanados pela concessionária, sendo mais de 80% deles solucionados em até uma hora.

 

A pesquisa anual foi instituída pela Agência Reguladora com a finalidade de rastrear vazamentos em todas as áreas abrangidas pela rede de distribuição de gás natural canalizado em Alagoas. Sua execução contribui para a segurança do sistema de distribuição e de seus usuários, integridade da rede e continuidade operacional do fornecimento do produto.

 

pesquisa gás 1

 

Durante os 24 dias da pesquisa, os técnicos da Gerência de Gás Natural fiscalizaram a execução dos procedimentos adotados pela concessionária para testar os pontos críticos passíveis de vazamento, validaram os resultados das medições das concentrações de gás vazados, atestaram a classificação do grau de risco dos vazamentos detectados e monitoraram a eficiência dos reparos realizados.

 

“O resultado da pesquisa mostra que o sistema de distribuição da Algás está funcionando de acordo com o exigido pelas normas técnicas de segurança e regulamentos expedidos pelo órgão regulador e que as ações de controle estabelecidas pela Agência Reguladora e executadas pela Algás se mostram eficazes para a qualidade e segurança do serviço de distribuição de gás natural canalizado”, afirmou Clara Alves.

 

pesquisa gás 2

 

Durante o programa foram vistoriados 110 pontos de entrega de gás, sendo 25 usuários comerciais, 25 unidades residenciais, 15 indústrias, 27 postos de Gás Natural Veicular (GNV), três Estações de Transferência de Custódia, 12 Estações de Redução de Pressão, uma Estação de Medição (Base de Compressão) e duas unidades de Cogeração, nos municípios de Maceió, Atalaia, Marechal Deodoro, Penedo, Pilar, Santa Luzia do Norte, e Rio Largo.

 

O sistema de distribuição de gás natural canalizado em Alagoas atende 9.800 unidades consumidoras, nos segmentos residencial (9.101 unidades, entre condomínios, casas e edifícios); comercial (628 estabelecimentos comerciais); industrial (36 indústrias); automotivo (29 postos de GNV); e seis unidades de cogeração.

 

São 512,47 Km de rede, distribuindo cerca de 600 mil m3/dia de gás natural nos municípios de Maceió, Rio Largo, Santa Luzia do Norte, Pilar, Marechal Deodoro, Atalaia, Satuba, Arapiraca e Penedo.
 
Ascom
Ações do documento
Logomarca
Configuracoes do Tema Fabrica

fale_conosco

chat online

consulta processo siga 1

consulta_de_processos.jpg

Portal da Trnasparência

banner-newsletter-arsal.png

Banco de currículos

requerimentos-transporte.jpg

programas

dicas_de_energia

consumidor

tarifas

cartilhas-2013_TIT.jpg
cartilha_ap_e_cp_02_DEST.jpg
cartilha_baixa_renda_02_DEST.jpg
cartilha_direitos_e_deveres_02_DEST.jpg
cartilha_uso_eficiente_02_DEST.jpg
cartilha_uso_indevido_energia_02_DEST.jpg
cartilha_uso_seguro_DEST.jpg

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

169bannerdados.png