Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Arsal fiscaliza obras e unidades consumidoras de gás natural
01/11/2017 - 15h43m

Arsal fiscaliza obras e unidades consumidoras de gás natural

Arsal fiscaliza obras e unidades consumidoras de gás natural

Durante o mês de outubro técnicos da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Alagoas (Arsal) fiscalizaram 39 unidades consumidoras de gás natural canalizado em Maceió, sendo 33 do segmento residencial e seis estabelecimentos comerciais. A Gerência de Gás não encontrou irregularidades nos prazos e padrões estabelecidos.

 

Durante a fiscalização de campo, a equipe técnica avaliou a eficiência no atendimento às solicitações dos usuários da Gás de Alagoas S.A. (Algás) e o tempo levado pela  concessionária para solucionar problemas de vazamento e falta de gás. Também foram verificados o funcionamento e as condições dos medidores de gás instalados nas unidades consumidoras, a qualidade do atendimento comercial e a satisfação dos usuários com o serviço prestado pela Algás.

 

A Arsal acompanhou ainda as manutenções preventivas realizadas pela concessionária em três postos de Gás Natural Veicular (GNV), duas indústrias visando impedir falhas nos equipamentos e minimizar a ocorrência de incidentes, garantindo a segurança e a continuidade do fornecimento do serviço.

 

Os técnicos da Gerência de Gás Natural vistoriaram também as obras da construção do gasoduto Penedo-Arapiraca, iniciadas em fevereiro de 2016 no município ribeirinho, e auditaram as análises laboratoriais realizadas diariamente em amostras de gás coletadas em locais previamente definidos pela Arsal. Durante a análise, é verificado se o gás natural comercializado no Estado está odorizado em conformidade com os níveis estabelecidos pela Agência Reguladora.

 

Outra ação realizada em outubro pela Gerência de Gás Natural foi o monitoramento de cerca de 60 indicadores de desempenho (comerciais, de qualidade, segurança e da evolução do mercado do produto), que servem como parâmetros para identificar quaisquer desvios ou não-conformidades, orientar mudanças e acompanhar melhorias no serviço prestado. “São elementos fundamentais e essenciais para o gerenciamento da segurança no fornecimento de gás e para manutenção da qualidade do serviço, do produto e do atendimento comercial”, explicou Clara Alves, gerente de Gás Natural.

 

Em Alagoas, o sistema de distribuição de gás natural atende 9.438 unidades consumidoras, sendo 34 indústrias, 30 postos automotivos, 582 estabelecimentos comerciais, 8.787 unidades residenciais (condomínios, prédios e residências) e cinco unidades de cogeração em oito municípios alagoanos: Maceió, Penedo, Rio Largo, Atalaia, Pilar, Santa Luzia do Norte, Satuba e Marechal Deodoro.

 

Ascom

Ações do documento

luto22

Logomarca
Configuracoes do Tema Fabrica

fale_conosco

chat online

consulta_de_processos.jpg

Portal da Trnasparência

banner-newsletter-arsal.png

Banco de currículos

requerimentos-transporte.jpg

programas

dicas_de_energia

consumidor

tarifas

cartilhas-2013_TIT.jpg
cartilha_ap_e_cp_02_DEST.jpg
cartilha_baixa_renda_02_DEST.jpg
cartilha_direitos_e_deveres_02_DEST.jpg
cartilha_uso_eficiente_02_DEST.jpg
cartilha_uso_indevido_energia_02_DEST.jpg
cartilha_uso_seguro_DEST.jpg

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

169bannerdados.png